quinta-feira, 14 de outubro de 2010

:: PV é prometido para dezembro

ov - 101014

    Segundo a Prefeitura, falta só o acabamento. O PVzinho de açúcar estará prontinho para receber os jogos a partir de janeiro. Cerca de 350 trabalhadores atuam na reforma do Estádio Presidente Vargas em dois períodos, manhã e tarde (o turno da noite não está descartado para agilizar o processo) e 70% das obras do estádio estão concluídas. Restam ainda serviços de alvenaria, banheiros, tribuna de imprensa, túnel, rampa central, alambrado, entre outros. O estadinho da Gentilândia esta fechado desde 2008, mas em obras há apenas dez meses.

    O PV, segundo as autoridades, não está passando por uma "reforma" e sim por uma "reestruturação". O concreto tem vida útil de no máximo 30 anos e o PV estava há 70 anos sem passar por reforma estrutural, diz o engenheiro Romcy, secretário da Regional IV da Prefeitura. "A parte estrutural, nossa maior preocupação, já está praticamente pronta. Partimos para o trabalho de alvenaria, construção vestiários, bares e o estádio em si, a modernização dele", diz o secretário.

    Já Anaksmano Magalhães, chefe do Distrito de Infra-estrutura da Regional IV, diz que para reformar a estrutura do estádio foi preciso primeiro dar um padrão que não existia. "Encontramos três tipos de arquibancadas, vários tipos de concreto, de medidas. Transformamos o PV em um só estruturalmente, para depois reestruturá-lo. Não é um simples trabalho de recolocação de cadeiras, pinturas ou maquiagem como ocorreu em outros estádios", observa.

0 comentários:

Postar um comentário