quarta-feira, 27 de outubro de 2010

:: Ceguim: um misto de garçom e torcedor

DSC01849 [##Embaixada do Vozao]

    Chama-se Idalécio, nasceu na pequena Pau dos Ferros, no Rio Grande do Norte e está em Brasília há três anos. Ceguim, como é conhecido na Choparia Serpentina Zero Grau, é um garçom de estimação. Isto mesmo o que você leu: es-ti-ma-ção! Ele é o cara que atende a todos os embaixadores com um sorriso nos lábios, uma brincadeira, uma palavra de incentivo.

    - Vamos vencer hoje, Vozão! - alardeia com a bandeja na mão, procurando clientes para servir.

    Quando chegou à capital federal, Ceguim não torcia por nenhum clube de futebol. Por nenhum. Nem pelo ABC, nem pelo América, nem pelo Baraúnas. Por nenhum mesmo!

    Por essas ironias da vida, quis o destino que o garçom Idalécio fosse escalado pelo saudoso Zé Augusto para cuidar da ala da Embaixada no Vozão no Serpentina e o Ceará Sporting Club ganhou mais um torcedor. Sem descuidar do seu trabalho de sempre bem servir a todos, ele pula, grita e torce pelo time que começou a torcer, contagiado pela emoção da torcida alvinegra.

    Ao lado do Fábio, o popular "Di Cesar", Ceguim é o cara que nos atende trazendo aquele chope bem tirado, a cerveja estupidamente gelada e o tira-gosto caprichado. Estamos bem servidos de garçom no Serpentina Zero Grau!

    Ao Ceguim e ao Fábio, pois, as nossas homenagens. O reconhecimento de todos os embaixadores!

1 comentários:

André Caldas disse...

Grande abraço ao amigo Idalécio!

Postar um comentário