quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Embaixadores reclamaram da arbitragem. Ceará tem que tomar cuidado!

DSC02034

    Ninguém sabe porque a CBF coloca árbitros sem expressão - ou oriundos de estados sem expressão no futebol, como é o caso de Sergipe -, para apitar os jogos do Ceará. Aliás, o Vozão já sabe que não leva sorte com os árbitros nordestinos, que demonstram acomodação e subserviência com as equipes do Sul e do Sudeste. Lembram do alagoano doidim contra o Paraná Clube que validou aquele gol escandaloso com a mão? E olha que foi em pleno Castelão!

    Milhões em jogo - Alguns dizem que vai ser assim até o fim e que o Ceará tem que tomar cuidado. Alertam que o Flamengo e outras equipes de grande torcida estão rondando a Zona de Rebaixamento e que estão muitos milhões em jogo. Preferimos imaginar que são apenas "equívocos" dos árbitros.

    Na partida de ontem, com o estadinho do Democrata recebendo um público razoável, chamava a atenção os gestos do árbitro e sua corridinha apressada quando a falta era a favor do Cruzeiro. Subserviência total! Faltava chamar os jogadores de "senhor"! O trio soprou latinha. Mostrou que são todos caseiros e o que pareceu é que estava apitando pela primeira vez uma competição nacional. Acomodação em excesso. Fracos ou tendenciosos. Entenda-se como quiser.

    Sacanagem - Duvido que esse juizinho peba fosse indicado para apitar um Corinthians x Flamengo, Cruzeiro x São Paulo... Já colocam de sacanagem, pois vão errar contra o Ceará e sabem que ficará por isso mesmo.

    Mas o que interessa mesmo é que os embaixadores, como sempre, estiveram presentes, torceram, vibraram a cada jogada, se aporrinharam com o trio de árbitros e, no Show do Intervalo, comandado nesta quarta pelos polivalentes Leopoldo Crisóstomo e Caetano Leite, participaram do sorteio de uma almofada do Vozão e um adesivo da Embaixada.

      [+ Veja AQUI 15 fotos da reunião +]

DSC02031

0 comentários:

Postar um comentário